Capa

LUTAS

TATIANA GIORDANO, EX-BBB 4, ESTRÉIA COM VITÓRIA ARRASADORA

Ela derrotou Sueli Caroline Abreu por nocaute a 1min43s do primeiro round

17.06.2007  |  534 visualizações
São Paulo (SP) - Tatiana Giordano, participante da quarta edição do reality show Big Brother Brasil, teve uma estréia arrasadora na carreira profissional de boxe. Com muita agressividade e um repertório alucinante de golpes, ela derrotou por nocaute técnico Sueli Caroline Abreu, também estreante, a 1min43s do primeiro round, pela categoria superleve (63,5 kg), na noite deste sábado, no salão de eventos do luxuoso Maksoud Plaza, em São Paulo.

“Entrei muito nervosa e ansiosa no ringue. Fazia muito tempo que não lutava. Além disso, é a primeira vez que toda a minha família me vê lutar ao vivo, o que me deixou mais apreensiva ainda”, comentou a pugilista de 25 anos, 1,65 m e 63,5 kg, que voltou a treinar boxe com seriedade há dois meses, depois de três anos de afastamento. “Entrei para ganhar o mais rapidamente possível e deu certo.”

Com o objetivo de disputar um dia o título mundial da categoria, que atualmente pertence a sua amiga e companheira de treinamento Duda Yankovich, Tatiana admite que o seu primeiro combate na volta aos ringues foi com o peso. “Minha primeira luta foi contra a balança. Tive de perder sete quilos para alcançar o peso exigido na categoria. Espero não ter esse problema no meu próximo combate”, comemorou, abraçada e aplaudida por uma torcida particular de 15 pessoas, entre os pais, sogros, irmãos, cunhadas, primos e marido. A torcida dela foi engrossada pelo jogador do Palmeiras, Edmundo, que está suspenso e não enfrenta o Goiás na tarde deste domingo.

O técnico Miguel de Oliveira, ex-campeão mundial, gostou da estréia de sua pupila, aluna da Cia Athletica. “Ela mostrou agressividade e ser bastante decidida, características boas no esporte. Ela precisa, porém, de mais lutas para ganhar autocontrole na hora de atacar”, lembrou o treinador. “É importante estudar a adversária no primeiro round, ter mais paciência. Mas ela mostrou um grande potencial e fiquei feliz.”

Na luta principal da noitada, de cinco combates, a amiga Duda Yankovich manteve pela segunda vez o cinturão de campeã mundial superleve (63,5 kg), versão Associação Internacional Feminina de Boxe (Wiba), a mais prestigiada entidade feminina da modalidade. Ela derrotou na madrugada deste domingo por pontos por decisão unânime dos jurados a colombiana Paola Rojas.

João Pedro Nunes - Mtb 11.675 // Guto Francischini - Mtb 45.553
E-mail: zdl@zdl.com.br
  • Duda mantém título
    (André Stefano/ZDL)

  • Tatiana é campeã
    (André Stefano/ZDL)

  • Tatiana nocauteia
    (André Stefano/ZDL)

  • Pose de lutadora
    (André Stefano/ZDL)

Leia também...

Entre em contato