Capa

LUTAS

DUDA YANKOVICH RETOMA TREINOS PARA DISPUTA DO TÍTULO MUNDIAL

Campeã brasileira das superleves enfrenta a norte-americana Mia St. John

08.11.2006  |  1.004 visualizações
São Paulo (SP) – Depois de alguns dias de treinos mais leves, após a vitória por pontos sobre a argentina Silvia Zacarias, no dia 30 de setembro, a sérvia Duda Yankovich, campeã brasileira da categoria superleve, retomou o ritmo mais forte de preparação para a disputa do título do Conselho Mundial de Boxe (CMB). Ela enfrentará a experiente norte-americana Mia St. John, tentando o primeiro cinturão feminino para o país.

Radicada em São Paulo desde 2000, Duda já pediu a cidadania brasileira. Enquanto aguarda os trâmites oficiais, subirá ao ringue com a bandeira do Brasil nas mãos para ratificar a decisão de defender o país. “Me considero brasileira. Virei lutadora de boxe aqui”, diz a lutadora, de 30 anos, que enfrentou quatro guerras nos 24 anos em que viveu na extinta Iugoslávia. “Meu objetivo é trazer o título para o Brasil.”

Duda treina duro todos os dias na Companhia Athletica, com orientação do técnico Miguel de Oliveira, ex-campeão mundial de boxe. Na preparação, pelo menos três homens se revezam como sparrings. “Desde que troquei o kickboxing pelo boxe, optei por treinar com homens. Eles puxam o meu limite e nessas horas prefiro apanhar do que bater”, lembra a atleta. “Tenho certeza de que estarei bem preparada para a decisão do título.”

Duda tem seis lutas e seis vitórias como profissional (sendo cinco por nocaute) e 11 combates (dez vitórias) como amadora. Mia St, John, de 39 anos, tem 52 lutas e 43 vitórias. A diferença de cartel não assusta a brasileira. “Tenho 18 anos de carreira e, antes do boxe, fiz 58 lutas de kickboxing e 158 de caratê. Por tudo isso, não me considero inexperiente”, comenta a atleta loira, olhos azuis e corpo bem definido por anos e anos de muito exercício físico.

Miguel de Oliveira está confiante no desempenho de sua atleta. “Ela tem uma pegada forte e é bastante dedicada. Os próximos dias serão muito importantes em sua preparação”, diz o treinador, que há dois anos orienta a lutadora, que foi segurança numa boate e de cantoras na Iugoslávia, além de ter trabalhado, por diversão, como dublê no cinema.

Tricampeã brasileira amadora, Duda Yankovich é patrocinada pela Everlast, Companhia Athletica, Faculdades ítalo Brasileira e bicicletas Sundown. A carreira da atleta é administrada pela Sport Promotion.

João Pedro Nunes – Mtb. 11.675
E-mail: zdl@zdl.com.br

Leia também...

15.06.2007

TATIANA, EX-BBB, ESTRÉIA NO BOXE PROFISSIONAL

Atleta vai enfrentar Sueli Caroline Abreu, no Maksoud Plaza

15.06.2007

DUDA YANKOVICH DEFENDE O CINTURÃO DE CAMPEÃ PELA SEGUNDA VEZ

Musa do boxe brasileiro enfrenta a colombiana Paola Rojas, no Maksoud Plaza

14.06.2007

DUDA YANKOVICH FAZ PESAGEM OFICIAL E CONVERSA COM A IMPRENSA NESTA SEXTA

Campeã mundial defende cinturão contra a colombiana Paola Rojas. Programa tem disputa de título sul-americano e estréia profissional de ex-BBB.

13.06.2007

EX-BBB ESTRÉIA NO BOXE PROFISSIONAL

Tatiana Giordano faz uma das preliminares do combate da campeã mundial Duda Yankovich

Entre em contato