Capa

Marcelo Melo

Melo e Rojer param na primeira rodada em Miami e seguem para a temporada no saibro europeu

Jogo de estreia no Masters 1000, na Flórida, foi nesta sexta-feira (26). Dupla viaja dos Estados Unidos para a Europa, onde inicia a preparação para essa nova etapa do calendário

26.03.2021  |  415 visualizações

Março, 2021 – O mineiro Marcelo Melo e o holandês Jean-Julien Rojer pararam nesta sexta-feira (26) na estreia do Masters 1000 de Miami. Nas quadras duras do Hard Rock Stadium, na Flórida (EUA), o sérvio Miomir Kecmanovic e o paquistanês Aisam-Ul-Haq Qureshi marcaram 2 sets a 1, de virada, parciais de 6/7 (5-7), 6/3 e 10-4, em 1h33min. Melo e Rojer seguem agora para a Europa, iniciando a preparação para a temporada de saibro, com os treinos para essa nova etapa do calendário que começa no mês de abril.

"Hoje mais uma derrota no match tie-break, a terceira seguida. Está faltando um pouquinho ainda de encontrar o entrosamento nesses momentos importantes. Conseguimos levar o jogo até o match tie-break, mas fica faltando um pouco de entrosamento e saber jogar melhor nas horas importantes como dupla. Agora é seguir treinando, aprimorando esses momentos, para que comece a virar para a gente o match tie-break, um break point ou outro que acaba definindo a partida", explicou Marcelo, que tem o patrocínio de Centauro, BMG e Itambé, com apoio da Volvo, Head, Voss, Foxton, Asics, Bolsa Atleta e Confederação Brasileira de Tênis.

"É ter a cabeça fria agora, descansar uns dias e voltar a treinar já pensando na sequência do saibro. Vamos ter mais chances de poder continuar evoluindo como dupla. Às vezes umas parcerias jogam melhores que as outras mais rapidamente, outras demandam um pouco mais de tempo. Mas, temos de ter consciência e continuar acreditando um no outro, na dupla, para os resultados começarem a vir", completou. 

O primeiro set foi definido no tie-break. Duas vezes os adversários quebraram na frente – no primeiro e no sétimo games -, duas vezes Melo e Rojer devolveram – no segundo e no décimo -, até o empate em 6/6. No tie-break, após saírem atrás, Melo e Rojer viraram, 4-3, e mantiveram a vantagem até marcar 7-5 para vencer. Kecmanovic e Qureshi ganharam o segundo set, por 6/3, com uma quebra no segundo game, levando o jogo para o match tie-break, em que fecharam em 10-4 para avançar às oitavas de final.

Melo e Rojer disputaram em março quatro torneios, no primeiro mês da nova parceria, iniciada nesta temporada 2021: o ATP 500 de Roterdã, o ATP 250 de Doha, o ATP 500 de Dubai e o primeiro Masters 1000, em Miami.

No ranking mundial individual de duplas divulgado na segunda-feira (22) pela Associação dos Tenistas Profissionais (ATP), Melo está em 16º lugar, com 5.670 pontos. Rojer aparece em 27º, com 4.070 pontos.

Recordista em títulos e semanas no topo do ranking – Recordista brasileiro em número de títulos, com 35 conquistas, e também em semanas no topo do ranking da ATP – 56 -, assim como em participações no ATP Finals – completou oito seguidas em 2020 -, Marcelo somou mais um recorde ao chegar a 500 vitórias, na estreia no ATP 500 de Washington, em julho de 2019, passando a ser o 35º jogador de todos os tempos a atingir essa marca.

Entre 2017 e 2018, Marcelo ficou 30 semanas – 25 consecutivas - como líder do ranking mundial individual de duplas da ATP (13 semanas em 2017 – terminando o ano como número 1 - e 17 semanas em 2018). Antes, ocupou a liderança pela primeira vez em 2015, por 22 semanas, também virando o ano na frente, e voltou ao primeiro lugar por mais quatro semanas a partir de maio de 2016. Único brasileiro na história a ser número 1 do mundo em duplas.

Em 2020, no México, no ATP 500 de Acapulco, o mineiro Marcelo conquistou o 34º título da carreira, o 14ª com o polonês Lukasz Kubot, e no mês de outubro, no ATP 500 de Viena somou o 35ª da carreira, 15º com Kubot. Pelo 14º ano consecutivo comemora no mínimo um título por temporada. Juntos, Melo e Kubot ganharam pelo menos um torneio por ano desde 2015.

Dos 35 títulos, todos em duplas, dois são Grand Slam – Roland Garros, na França (2015) e Wimbledon, em Londres (2017) e nove Masters 1000, além de nove ATP 500 e 15 ATP 250. 

Cinco vitórias em 2021 - Nesta temporada 2021, Marcelo Melo tem três vitórias ao lado do romeno Horia Tecau, uma na estreia no Murray River Open (ATP 250) e duas no Australian Open, ambos em Melbourne. Uma vitória jogando com a russa Vera Zvonareva na estreia nas duplas mistas do Grand Slam. E uma vitória com Jean-Julien Rojer na estreia do ATP 250 de Doha.

Em 2020, Melo e Kubot somaram 22 vitórias, na estreia no Australian Open e no ATP 250 de Adelaide, na Austrália, duas no Rio Open, quatro em Acapulco, uma no Masters 1000 de Cincinnati, uma no ATP 500 de Hamburgo, uma na estreia em Roland Garros, três no primeiro ATP 250 e uma no segundo em Colônia, quatro em Viena, duas em Paris e uma no ATP Finals.

Marcelo, 37 anos, e Kubot, 38 anos, formaram parceria desde o início da temporada 2017, encerrada no final de 2020. Antes, jogaram em torneios como o ATP 500 de Viena, em que foram campeões em 2015 e 2016.

Em 2020, Melo e Kubot terminaram como a sétima melhor parceria do ano, com 2.340 pontos. No ranking mundial individual de duplas, pela oitava temporada seguida, Marcelo ficou entre os Top 10. No ano passado, foi décimo. Em 2019, sétimo. Em 2018, nono do mundo, primeiro em 2017 e 2015, oitavo em 2016 e sexto colocado em 2013 e 2014.

O primeiro título de Marcelo em torneios ATP foi em 2007, no Estoril, em Portugal. Tem dois Grand Slam, além de um vice em Londres (2013) e um vice (2018) e duas semifinais no US Open. Marcelo também lidera no número de títulos em Masters 1000. Em Xangai 2018 chegou ao nono, depois de ganhar Xangai (2013 e 2015), Paris (2015 e 2017), Toronto (2016), Cincinnati (2016), Miami (2017) e Madri (2017).

Temporada 2020

Título
ATP 500 - 
Acapulco (México), rápida
ATP 500 - Viena (Áustria), rápida

Vice-campeonato
ATP 250 - Colônia (Alemanha), rápida

Temporada 2019

Título
ATP 250 – 
Winston-Salem (EUA), rápida

Vice-campeonato
Masters 1000 – 
Indian Wells (EUA), rápida
ATP 500 - Halle (Alemanha), grama
ATP 500 - Beijing (China), rápida
Masters 1000 - Xangai (China), rápida
ATP 500 - Viena (Áustria), rápida

Mais informações:
Site:  
www.melomarcelo.com 
Fanpage:  facebook.com/marcelomelo83 
Instagram: www.instagram.com/marcelomelo83
Marketing/Comercial: Sérgio Oprea - +55 61 98118-9876 - sergio.oprea@terra.com.br - www.zenithmarketing.com.br

ZDL
Doro Jr. - MTb 13209 - 
dorojr@zdl.com.br - 11 984579723
Deborah Mamone - MTb 15148  - 
deborah@zdl.com.br - 11 3285.5911

Site: 
www.zdl.com.br
Facebook: www.facebook.com/ZDLSports
Instagram: www.instagram.com/zdlsport
Twitter: www.twitter.com/ZDLcomunica

  • Marcelo segue para treinos na Europa
    (Divulgação)

Leia também...

20.04.2021

Melo e Rojer param na primeira rodada do ATP 500 de Barcelona

Jogo desta terça-feira (20), na Espanha, foi diante dos australianos John Peers e Luke Saville

19.04.2021

Melo e Rojer enfrentam dupla australiana na estreia nesta terça-feira (20), em Barcelona

Na primeira rodada do ATP 500, no saibro espanhol, adversários serão Peers e Saville, por volta das 12h (horário de Brasília). Torneio começou nesta segunda-feira (19) e segue até o fim de semana

13.04.2021

Melo e Rojer param na estreia no Masters 1000 de Monte Carlo

Jogo foi diante dos cabeças de chave 5, Ram e Salisbury, adiado para esta terça-feira (13) por causa da chuva. Dupla segue agora para a Espanha, onde disputa o ATP 500 de Barcelona, a partir do dia 19

12.04.2021

Chuva adia para esta terça-feira (13) sequência do jogo de Melo e Rojer em Monte Carlo

Após 39 minutos, com 3/3 no primeiro set, partida de estreia no Masters 1000, diante de Ram e Salisbury, foi interrompida nesta segunda-feira (12) por causa do mau tempo em Mônaco

Entre em contato