Capa

TERCEIROSETOR

Escalador paulista treina na Áustria para o Pan de olho em Tóquio-2020

Depois de período no Brasil, comemorando feito inédito de conquistar o Teto do Baú em livre, em uma escalada a 380 metros de altura, César Grosso voltou para a Europa. Integrando a equipe brasileira no Pan dos EUA, em fevereiro, vai em busca do grande objetivo: representar o País nos Jogos Olímpicos

01.12.2019  |  1.692 visualizações
São Paulo (SP) – Ao longo de toda a temporada 2019, o paulista César Grosso treinou e disputou algumas das principais competições do calendário, sempre buscando estar preparado para a conquista de seu grande objetivo: a vaga para os Jogos Olímpicos de Tóquio, no próximo ano. A tão sonhada oportunidade de estar no Japão será decidida nos Jogos Pan-Americanos de 2020, em Los Angeles (EUA). César - melhor brasileiro no ranking mundial - é um dos oito atletas - quatro no masculino e quatro no feminino - convocados pela Associação Brasileira de Escalada Esportiva (ABEE) para integrar a equipe do Brasil no Pan, competição que reunirá nomes de destaque de diferentes países. Apenas os campeões - no masculino e no feminino - garantem lugar na Olimpíada. Um grande desafio.

César está de volta à Itália, onde mora. Na Europa, fará a preparação final para o Pan. Os treinos, a partir de janeiro, serão no Kletterzentrum, uma das melhores estruturas de escalada do mundo, em Innsbruck, na Áustria. O atleta passou 40 dias no Brasil, 22 deles dedicados a tentar um feito inédito: ser o primeiro a escalar o Teto do Baú, em São Bento do Sapucaí, interior paulista, em livre - quando o escalador usa os grampos nas paredes como proteção em caso de queda -, em uma escalada a 380 metros de altura. 

"Conheci o montanhismo na Pedra do Baú, comecei a escalar lá na rocha e sempre vi o Teto do Baú como algo intocável. Foi a realização de um grande e velho sonho. Agora a via passa a se chamar Origens", afirma César, que tem apoio de ClimbMania, Casa de Pedra, França e Associados e SBI Outdoor.

De olho em Tóquio - Para conquistar a vaga nos Jogos do Japão - quando a escalada fará sua estreia como esporte olímpico -, César vem treinando e competindo para estar preparado para o chamado formato combinado, que reúne as três modalidades da escalada esportiva - Boulder, Lead e Speed. Assim será disputado o Pan-Americano em Los Angeles, entre os dias 24 de fevereiro e 1º de março, no ginásio Sender One. Ao lado de César, na equipe brasileira, estarão Felipe Ho, Jean Ouriques, Pedro Nicoloso, Thais Makino, Bianca Castro, Luana Riscado e Hellen Christina.

Agora em 2019, César foi escolhido Atleta do Ano da Escalada do Prêmio Brasil Olímpico, promovido pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB), que será entregue no dia 10 deste mês, no Rio de Janeiro. Melhor brasileiro no ranking mundial da IFSC (Federação Internacional de Escalada Esportiva), em 64º lugar, é recordista brasileiro de velocidade (Speed), com a marca de 7seg14, conquistada durante a Copa do Mundo de Villars (Suíça) este ano e, entre os seus resultados de destaque, está o 5º lugar Combinado no último Pan Americano de Escalada, em Guayaquil (Equador)

As três categorias da escalada - A escalada esportiva é praticada em paredes artificiais. No Boulder, categoria voltada para explosão, os atletas competem em paredes baixas, sem cordas, realizando movimentos fortes e explosivos. A escalada conta ainda com Lead (Dificuldade), disputada em paredes altas, com vias inéditas, de alta dificuldade, vencendo quem chegar mais alto, e com a Speed (Velocidade), em que dois escaladores enfrentam a mesma via, ganhando quem for mais rápido.

Principais conquistas – César conquistou seu primeiro título brasileiro – Lead em 2003. De 2006 a 2009, comemorou em Lead e Boulder, assim como em 2012, sendo o único hexacampeão brasileiro de escalada de dificuldade. Ao longo da carreira foi campeão sul-americano – Lead; vice-campeão pan-americano – Boulder; vice campeão sul-americano – Boulder; top 5 pan-americano – Combinada; seis vezes campeão brasileiro – Lead; quatro vezes campeão brasileiro – Boulder; duas vezes campeão Master of Bouldering – Boulder; 15° colocado na Copa do Mundo, etapa Barcelona – Lead;  melhor brasileiro overall no Mundial Innsbruck 2018; recordista brasileiro de velocidade.

Mais informações: www.cesargrosso.com
Fan page: facebook.com/cesargrossoatleta
Instagram: @cesar_grosso

ZDL
Doro Jr. -   
dorojr@zdl.com.br    - 11 984579723
Deborah Mamone -   
deborah@zdl.com.br    - 11 3285.5911

Site: 
www.zdl.com.br
Facebook: www.facebook.com/ZDLSports
Instagram: www.instagram.com/zdlsport
Twitter: www.twitter.com/ZDLcomunica
  • César, escalada a 380 metros de altura
    (Rosita Belinky / Divulgação)

  • Feito inédito no Teto do Baú
    (Rosita Belinky / Divulgação)

  • Primeiro a conquistar na escalada em livre
    (Rosita Belinky / Divulgação)

  • Batizando a via com o nome Origens
    (Rosita Belinky / Divulgação)

  • Atleta é o melhor brasileiro no ranking mundial de escalada
    (Divulgação)

Leia também...

22.06.2020

Após passagens por equipes do interior paulista, talento tocantinense chega ao futebol alemão

Tony Stteffen está atualmente no FCA 04 da Alemanha, clube que defende desde o início de 2020

18.05.2020

Respirador de baixo custo entra em fase de validação e busca parceiros

O projeto OpenVentilator é Iniciativa colaborativa e poderá expandir projeto para mais países após teste clínico

14.04.2020

TenisBrasil lança campanha de ajuda aos informais do tênis

Site criou um 'crowdfunding', uma 'vaquinha' virtual, em que pessoas físicas ou jurídicas poderão fazer doações ao grupo de 25 profissionais selecionados

06.04.2020
Ano 2167

por João Magalhães

Entre em contato