Capa

TERCEIROSETOR

César Grosso é escolhido Atleta do Ano da Escalada do Prêmio Brasil Olímpico 2019

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) divulgou os vencedores de cada modalidade da 21ª edição da premiação. Cerimônia de entrega dos troféus será no dia 10 de dezembro, no Rio de Janeiro

07.11.2019  |  701 visualizações

São Paulo (SP) – O paulista César Grosso foi escolhido Atleta do Ano da Escalada do Prêmio Brasil Olímpico 2019, promovido pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB). Melhor brasileiro no ranking mundial da IFSC (Federação Internacional de Escalada Esportiva), em 64º lugar, e recordista brasileiro de velocidade (Speed), com a marca de 7seg14, o atleta tem como grande objetivo buscar a vaga para os Jogos de Tóquio-2020.  A premiação, em sua 21ª edição, será realizada no dia 10 de dezembro, no Rio de Janeiro.

“Que grande honra essa escolha. Obrigado a todos”, comemorou César, que tem apoio de ClimbMania, Casa de Pedra, França e Associados e SBI Outdoor.

O COB divulgou a lista dos vencedores do troféu de cada modalidade e, também, os indicados ao prêmio de melhor do ano, que serão escolhidos e anunciados na cerimônia. Concorrem: Ana Marcela Cunha (maratona aquática), Beatriz Ferreira (boxe) e Nathalie Moellhausen (esgrima) no feminino, e Arthur Nory (ginástica), Gabriel Medina (surfe) e Isaquias Queiroz (canoagem velocidade).

O escalador paulista foi escolhido por jornalistas, dirigentes, Comissão de Atletas do COB, ex-atletas e personalidades do esporte pelos seus resultados e conquistas nos últimos 12 meses, como o 5º lugar Combinado no último Pan Americano de Escalada, em Guayaquil (Equador), e o recorde brasileiro de velocidade de 7seg14, durante a Copa do Mundo de Villars (Suíça) este ano.

De olho em Tóquio - Para conquistar a vaga nos Jogos Olímpicos, seu grande objetivo, César vem treinando e competindo para estar preparado para o chamado formato combinado, que reúne as três modalidades da escalada esportiva - Boulder, Lead e Speed. Assim será no Campeonato Pan-Americano, no próximo ano, em Los Angeles, nos Estados Unidos, classificatório para Tóquio-2020. No Japão, a escalada fará sua estreia como esporte olímpico. 

As três categorias da escalada - A escalada esportiva é praticada em paredes artificiais. No Boulder, categoria voltada para explosão, os atletas competem em paredes baixas, sem cordas, realizando movimentos fortes e explosivos. A escalada conta ainda com Lead (Dificuldade), disputada em paredes altas, com vias inéditas, de alta dificuldade, vencendo quem chegar mais alto, e com a Speed (Velocidade), em que dois escaladores enfrentam a mesma via, ganhando quem for mais rápido.

Principais conquistas – César conquistou seu primeiro título brasileiro – Lead em 2003. De 2006 a 2009, comemorou em Lead e Boulder, assim como em 2012, sendo o único hexacampeão brasileiro de escalada de dificuldade. Ao longo da carreira foi campeão sul-americano – Lead; vice-campeão pan-americano – Boulder; vice campeão sul-americano – Boulder; top 5 pan-americano – Combinada; seis vezes campeão brasileiro – Lead; quatro vezes campeão brasileiro – Boulder; duas vezes campeão Master of Bouldering – Boulder; 15° colocado na Copa do Mundo, etapa Barcelona – Lead;  melhor brasileiro overall no Mundial Innsbruck 2018; recordista brasileiro de velocidade.

Mais informações: www.cesargrosso.com
Fan page: facebook.com/cesargrossoatleta
Instagram: @cesar_grosso

ZDL
Doro Jr. -   
dorojr@zdl.com.br    - 11 984579723
Deborah Mamone -   
deborah@zdl.com.br    - 11 3285.5911

Site: 
www.zdl.com.br
Facebook: www.facebook.com/ZDLSports
Instagram: www.instagram.com/zdlsport
Twitter: www.twitter.com/ZDLcomunica

  • César é o melhor brasileiro no ranking mundial e recordista em velocidade
    (Divulgação)

  • Escalador paulista busca vaga nos Jogos de Tóquio-2020
    (Divulgação)

Leia também...

08.11.2019

Show de Rock Beneficente na Nova 4E, na Mooca, neste domingo

O evento vai reunir várias bandas de São Paulo e a entrada custa R$ 25,00

18.08.2019

Rio Claro vence Mirassol fora de casa e segue firme à classificação para 3ª fase do Paulista Sub-17

Após quatro jogos, equipe do Rio Claro está na segunda colocação do grupo 17, com 5 pontos, atrás do Ituano, que lidera com 12 pontos conquistados

14.08.2019

Escalador brasileiro é o melhor sul-americano na modalidade Lead no Mundial do Japão

Entre os atletas pan-americanos, César Grosso terminou em sétimo lugar. Campeonato está sendo disputado em Hachioji, no formato combinado, que reúne as três categorias da escalada - além de Lead, Boulder e Speed. Ele volta a competir neste sábado (17)

09.08.2019

Neste sábado (10) tem Rio Claro contra o Mirassol no Paulista Sub-17

Time está na quarta posição e precisa conquistar os pontos necessários para alcançar a zona de classificação

Entre em contato